top of page

Cena extra: Flavian e Violet (em O coração do Duque)

Antes

1813

O adeus

 

Dizer adeus a ela era o mais difícil que Flavian já fizera em sua vida. 

Aproveitando o gosto doce com calma, ele mergulhou na boca macia e tentou memorizar cada pedaço daquele paraíso. 

Suas malas estavam prontas, a carruagem lhe esperava na calçada. Contudo, sair daquele calor exigia uma coragem que ele jamais imaginou ter. 

Uma que ele esperava que fosse grande o bastante para ajudá-lo a retornar. 

— Eu preciso ir… — ele murmurou, colocando a testa à dela. 

— Eu sei. — Violet fungou. — Eu sei disso. 

Seu olhar se encontrou com o dela, intensamente. 

— Meu coração fica aqui. 

— Comigo. 

— Sim. — Ele sorriu. — Eu vou voltar assim que puder para pegá-lo de volta. 

— Certo. E eu estarei esperando. 

— Isso. — Flavian beijou-a mais uma vez. — Vou escrever para você. Escreva para mim. 

— Eu vou. — Violet o abraçou. — Eu escreverei para você. 

Ele respirou fundo, a soltou e deu um passo para trás. 

— Eu amo você — Violet disse. — Volte para mim. 

— Eu vou voltar — Flavian garantiu. Ele tinha certeza de que voltaria. — Eu amo você.

Fechou os olhos ao lhe dar as costas e caminhar na direção do coche. Sem se aguentar, ele se virou mais uma vez, para a figura perfeita que ainda estava na porta da casa dos Jackson. 

— Vou voltar para você, coração! — Flavian gritou, ao chegar na calçada. — Vou voltar e então roubarei seus beijos todos os dias. 

Violet sorriu e chorou, assentindo. 

— Eu estarei esperando! 

Ele chorou também. 

Mas, embora entristecido, Flavian teve certeza de que seu coração estava seguro nas mãos dela. 

Commentaires


bottom of page